Para quem gosta de música sem preconceitos, numa visão a partir da Bahia - :: el Cabong ::

BaianaSystem lança faixa inédita com clipe e dedo na ferida

O BaianaSystem não pára. Depois de lançar um elogiado e premiado disco em 2016, circular por festivais pelo Brasil e soltar uma música nova pouco tempo depois, o grupo lança agora uma faixa inédita. ‘Invisível’, que não era conhecida nem dos shows, vem acompanhada de um belo clipe e fala basicamente daquelas pessoas que passam despercebidas. Ou como a própria banda diz: “A fronteira entre o mundo que se vê e o invisível, em suas diversas condições, é sempre muito estreita. Criamos um mundo particular para nos proteger do visível”.

A nova música segue a lógica que tem aclamado o grupo: o cuidado com o aspecto audiovisual, a sonoridade contemporânea, mas sempre com forte toque baiano, as diversas referências e a temática social na letra. O resultado é uma espécie de samba-reggae do século XXI, atmosférico e atual. A percussão de Kaina do Gege e Márcio Brasil, junto com as bases, programações e synth de Mahal Pita e SekoBass, servem de base para as melodias da guitarra baiana de Beto Barreto, enquanto Russo Passapusso desfila a letra certeira. Participam da faixa ainda, Junix (guitarra), Bira Marques (teclados) e a voz das crianças por Alice Barreto, Catarina e Elis.

O clipe, com roteiro de Filipe Cartaxo e Filipe Bezerra e direção de Jonga Oliveira, traz Bnegão como um líder religioso, com seus seguidores. O filme foi rodado na tradicional região do bairo do Dois de Julho, no centro da capital baiana. Os homens invisíveis surgem como representações do vendedor de picolé, o cordeiro dos blocos, o catador de latinhas, figuras presentes e essenciais das festas populares de Salvador, sempre presentes, mas pouco percebidos.

A faixa foi gravada em Salvador no estúdio Casa das Máquinas e mixada em São Paulo nos estúdios da Red Bull, como um projeto especial junto com a instrumental “Forasteiro”, lançada no final do ano passado e que contou com a produção do BaianaSystem, do produtor Mahal Pita e a mixagem de Davi “O Marroquino”. A partir do dia 03, a música será disponibilizada em todas as plataformas digitais. Junto com `Forasteiro`, ‘Invisível’ já mostra um novo percurso da banda, apontando para o terceiro disco. Veja abaixo o clipe e a letra da música:

Invisível
(Russo PassaPusso, Roberto Barreto, SekoBass, Filipe Cartaxo)

Você já passou por mim / E nem olhou pra mim
Você já passou por mim / E nem olhou pra mim
Acha que eu não chamo atenção / Engana o seu coração
Acha que eu não chamo atenção (…)

Não tem cor / não tem cara / Começou / não vai parar
Coração vai disparar / Não tem como segurar

Ninguém viu, ninguém viu / Ninguém acha você
Invisível, invisível / Ninguém acha você

Há maneiras de ver / maneira de ser
Maneira de ter / maneira de ver
Cara-metade / Cara-metade / Quero te ver na cidade

Todo munda busca / Ninguém acha você
A cidade assusta, mas vai amanhecer

Você já passou por mim / E nem olhou pra mim
Você já passou por mim / E nem olhou pra mim
Acha que eu não chamo atenção / Engana o seu coração
Acha que eu não chamo atenção (…) Engana o seu coração

Xô falar, xô te explicar pra tu tentar me entender
Bailônia, várias formas pra tentar te prender
Bate bumbo / bate caixa / bate coxa / bum-bum
Bate sem precipitar que o papo é bom de render

Cada palavra que tu guarda na boca vira baba
Filosofia eu adquiro lendo Gandhi e Sai-Babba
Ragga eu ouço Shabba, no sertão, Luiz Gonzaga
Peleja tá dobrada / aqui se faz, aqui se paga

Você já passou por mim / E nem olhou pra mim
Você já passou por mim / E nem olhou pra mim
Acha que eu não chamo atenção / Engana o seu coração
Acha que eu não chamo atenção (…)

Passou por mim / Passou por mim / Passou por mim
Olhou pra mim / Olhou pra mim / Olhou pra mim
Chamou atenção / Chamou atenção / Chamou atenção
Seu coração / Seu coração / Seu coração /

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log in