Para quem gosta de música sem preconceitos - el Cabong

Prêmio Caymmi divulga vencedores com algumas surpresas

A música feita na Bahia merecia o espetáculo que aconteceu na noite da última quinta-feira (30), no Teatro Castro Alves, a entrega dos melhores de 2014 do Prêmio Caymmi de música. Sensível, leve e longe de ser arrastado e enfadonho, como costumam ser os eventos do tipo, a cerimônia foi um grande encontro e uma celebração ao que vem sendo feito atualmente na Bahia. Dorival Caymmi estava lá, em apresentações memoráveis, como as da Orkestra Rumpilezz ou o encontro inusitado e acertado de Gerônimo, Fábio Cascadura e Lazzo, ou a apresentação conjunta do Quabales e do Stomp, entre outros. A se rever apenas o espaço dados ao indicados e premiados, que poderiam ganhar um pouco mais de destaque, com uma explicação mais clara do que significa cada categoria e mais paciência na divulgação dos nomes dos indicados, assim como um maior destaque ao premiados.

Segundo Luisão Pereira, um dos integrantes da comissão julgadora, foi muito difícil e sofrido chegar a apenas cinco indicados para cada categoria. “Se musicalmente a Bahia é tão grande que não cabe dentro do seu território, imagine em apenas cinco indicações de uma premiação!? Coisa de maluco e missão impossível, mas necessária e que valerá muito a pena, se o “deus, como eu não conhecia isso?” chegar a mais pessoas. “O povo sabe o que quer, mas o povo também quer o que não sabe” ou, como diz na música vencedora: “Se vou naufragar, Deus… Me folgue o nó. Capina na nuvem um tempo bom”, diz ele.

Veja também:
Os melhores discos brasileiros e baianos de 2014 por jornalistas baianos

A sensação era justamente essa, o público presente na cerimônia, mesmo formado em sua maioria por pessoas ligadas a música, artistas, produtores, músicos, não conhecia boa parte dos vencedores. Se isso demonstra o quanto anda fértil a produção local, mostra também que ainda é preciso atingir o público base, para só assim se pensar em atingir a massa. O recado que fica com o prêmio é que devemos ficar atentos ao que acontece no estado, muita música anda sendo produzida, de estilos, gêneros e tipos diversos, lançados em discos, na internet, apresentada em shows. Entre as surpresas do Prêmio estão o veterano Tuzé de Abreu, que emplacou seu show entre grandes nomes da atual cena baiana. Assim como Eric Assmar como instrumentista (show), Ênio como produção (música) e Paulo Mutti em arranjo (música), desbancando nomes mais badalados, como Mou Brasil e Alex Mesquita, Jurema e Russo Passapusso, e Letieres Leite e Marcos Vaz, Junix, Russo e Curumin, respectivamente. Os indicados e premiados servem não para definir os melhores, para ajudar a nortear alguns destaques entre os o que está sendo produzindo atualmente.

Veja aqui todos os indicados, com possibilidade de se ouvir e conhecer os trabalhos, e abaixo todos os ganhadores:

Melhor Show:
Tuzé de Abreu

Melhor Música:
Odisseia Baiana – Filipe Lorenzo (Davi Correia e Thiago Lobão)

Melhor Música Instrumental:
Noite Cinza, Dia Anil – Casa Verde (Daniel Neto)

Melhor Clipe:
Mamá Soares & Coletivo di Tambor – A Filha de Calmon

Outros premiados:

– Categoria Show – 

Intérprete Masculino
Tito Bahiense

Intérprete Feminino
Larissa Luz

Instrumentista
Eric Assmar

Banda/ Grupo/ Orquestra
Pirombeira

Revelação
IFÁ Afrobeat

Produção
Jenner Salgado (As Ganhadeiras de Itapuã)

Destaque Técnico
Caji (Design de som Aiace/Ana Paula Albuquerque)

Direção Musical
Mateus Dantas (Tuzé de Abreu)

Direção Artística
Jarbas Bittencourt (Tainah)

– Categoria Música – 

Produção
Ênio em “Axé” 

Arranjo
Paulo Mutti por “Odisseia Baiana” de Filipe Lorenzo

Intérprete instrumental
Beto Martins em “Rio das Contas”

Intérprete vocal
Bruna Barreto (Lilly Braun) em “Nunca de Cara”

– Categoria Clipe – 

Direção
Max Gaggino por “A Filha de Calmon” de Mamá Soares & Coletivo di Tambor 

Fotografia
Victor Jimmy por “As Nuvens” de Nana  

Produção
Edson Bastos por “O Quintal” de Ayam Ubráis Barco 

Roteiro
Rodrigo Luna e Pedro Perazzo por “Toco Y Me Voy” da Toco Y Me Voy 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

2 Comments

  1. Uru Pereira Reply

    Olá eu sou do grupo Casa Verde que recebeu o prêmio de melhor música instrumental e percebi que vcs colocaram links para ouvir as principais premiações na qual Noite cinza, dia anil tá faz parte, então estou deixando o link e se for possível gostaria que incluísse pois vcs fizeram um excelente trabalho com essa publicação e nossa música tem uma força enorme e diferente do convencional! Um grande abraço e agradeço desde já.

    Link da Música Noite Cinza, dia Anil: https://soundcloud.com/uru-pereira/noite-cinza-dia-anil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Log in