Para quem gosta de música sem preconceitos - el Cabong

Explore a diversidade do mundo através de rádios espalhadas por vários países

Sites oferecem possibilidade de passear por rádios de várias cidades do mundo.

Quando a internet surgiu, não eram as redes sociais o que mais chamava a atenção. Num ambiente ainda livre de grandes empresas e do monopólio de marcas, o que estimulava quem acessava a rede de computadores, como costumava ser chamada a internet na época, era a possibilidade de desbravar o mundo, de poder ter acesso a todo tipo de coisas sentado numa cadeira em casa. Parecia que de repente o mundo tinha ficado pequeno.

Veja também:
14 programas de rádio de música brasileira atual para ouvir ou enviar material.
Análise as programações mostra que a música brasileira contemporânea está fora das rádios brasileiras.
As músicas mais tocadas nas rádios brasileiras nas últimas décadas.
Entrevista: Daniela Souza dá aula sobre o papel das rádios no Brasil.

Isso vem se perdendo há algum tempo, especialmente desde que as redes sociais praticamente viraram sinônimo de usar internet. O hábito de navegar (nem se usa mais esse termo, né?) na internet praticamente acabou. Há algum tempo se acessa um link de um site normalmente através de alguma postagem no Facebook, Twitter e mais recentemente no WhatsApp. Essa lógica de fazer o usuário permanecer em suas bolhas é tão forte que uma das maiores redes, o Instagram, praticamente não oferece links e a possibilidade de sair para outros ambientes.

Nem sempre foi assim, como os mais velhos sabem. Mas, mesmo hoje, ainda é possível navegar por aí, e algumas alternativas continuam sendo incríveis. Uma que merece atenção é a possibilidade de passear pelo planeta através da infinidade de rádios espalhadas pelo mundo. Essa é a incrível proposta do Radio Garden (radio.garden), um site que oferece um mapa mundi interativo, onde você navega ouvindo estações de rádio espalhadas por cidades de praticamente todos os países do planeta. O melhor é que é ridículo de tão simples. Através de uma interface tridimensional de geolocalização, você pode explorar o globo terrestre e, em tempo real, acessar transmissões de rádios locais, que aparecem através de pontinhos verdes.

Rádios Mundo

A gente aqui do el Cabong fez um passeio pelo site ouvindo rádios de várias cidades e países. Paramos numa rádio da República Dominicana com um comentarista detonando a classe média que, durante a pandemia, lota mercados e com isso aumenta os preços dos produtos. Passamos por rádios da Colômbia, Cuba, Haiti, Jamaica. Fomos para a Ásia, passeamos pela Rússia e depois fomos para Europa. Paramos para ouvir um programa numa rádio de “World Music” em Copenhague, na Dinamarca. Lá, primeiro rolou a Katamanto Highlife Orchestra, depois uma voz brasileira, era Trio Mocotó, em seguida tocou Tribalistas. Fomos então para rádios do Mali, Senegal, Angola, Madagascar, encontramos a ótima rádio Paradisagasy. Ouvimos Jean Michel Jarre numa rádio nos Camarões. Foi muito divertido ficar rodando e ouvindo línguas, sotaques e músicas de tudo que é canto. Façam isso, vai fazer bem a vocês. Você pode, inclusive, salvar a rádio e voltar quando quiser. Ah! Se ouvirem, contem aqui suas experiências.

Desenvolvido pelo Instituto Holandês de Som e Imagem em parceira com o Transnational Radio Knowledge Platform e outras 5 universidades europeias, o Radio Garden é um projeto holandês de pesquisa radiofônica e digital, sem fins lucrativos. Além de acessar as emissoras, o site traz informações do país de onde está sendo transmitido o sinal, a história do rádio em cada local, jingles famosos das rádios e outras informações relevantes.

Rádios Mundo

Outro site incrível é o Drive and Listen (driveandlisten.herokuapp.com), nele, como o nome já diz, você dirige um carro ouvindo rádio. A sensação é quase real. Através de vídeos em alta qualidade, você pode simular estar dirigindo por 37 diferentes cidades espalhadas pelo mundo e mudar de rádio à procura do que achar melhor. Você escolhe uma música ou ouve notícias e passeia de carro pelas ruas da cidade, podendo deixar em tela cheia e ficar passeando como se estivesse na cidade, inclusive com áudio do local, com barulho do trânsito, o motor de ônibus, carros e motos passando, buzinas, sirenes, pessoas falando, bebês chorando, cachorro latindo.

O cardápio é vasto, com várias rádios disponibilizadas em cada cidade, dando uma ideia do que se escuta em cada uma delas, passando por sucessos locais, hits mundiais ou informações. Entre as cidades, há grandes e bem conhecidas metrópoles, como Barcelona, Paris, Nova Iorque, Roma, Guadalajara, Tóquio, Buenos Aires, Berlin, Havana, Toronto, Lisboa, Londres, Melbourne, Moscou e Praga. Dá pra passear ainda pelas ruas nevadas de Estocolmo (Suécia) ou pelas ladeiras de São Francisco (EUA). No Brasil as opções são as ruas e rádios do Rio de Janeiro e de São Paulo. Além dessas, dá pra “dirigir” e ouvir rádio de  cidades menos badaladas, como Wuhan, na China, epicentro do coronavírus; Izmir, na Turquia; ou Ecaterimburgo, na Rússia, que você acompanha numa pista coberta de neve. Sensacional.

Tagged under:

, ,

3 Comentários

  1. Gabriela Reply

    Incrível!! Muito bom poder viajar entre as rádios do mundo. Seria muito bom se vocês pudessem falar mais sobre boas estações de rádio pra gente se conectar 🙂 se rolam aplicativos legais, também… os aplicativos de stream são legais, mas boas rádios e bons programas fazem falta, né? Obrigada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Log in